Pesquisar este blog

Carregando...

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Resumo de "A estrela sobe" de Marques Rebelo

A ESTRELA SOBE
O livro foi escrito em 1939. O autor é Marques Rebelo pseudônimos de Eddy Dias.O Livro tem influência modernista, pois relata temas da atualidade da época, como o outro lado do sucesso,relações por interesse, homossexualismo, aborto. Foi escrito no período em que o radio estava em seu auge, no período de Getulio Vargas após o golpe de estado.
Leniza filha de um relojoeiro de origem alemã e uma mestiça, tinha uma situação financeira ruim, pois o pai trabalhava mito e mãe auxiliava,mas o pai gostava de jogar, adoeceu e morreu deixando as duas na miséria.
Uma comadre a ajudou cedendo morada e trabalho (lavando roupas), a promiscuidade com os hospedes da comadre. A comadre morreu e deixou para dona Manuela a pensão. Leniza começa a trabalhar na fabrica de balas para ajudar a mãe e então é assediada, mas rejeita e larga o emprego. Vai trabalhar em laboratório farmacêutico e lá perde o tom ingênuo conversando com amigas.
Surge então o primeiro namorado Astério um hospede da pensão que queria casar, ela se apaixona, acontecem escândalos (brigas e ciúmes) e ela o deixa, pois quer ser livre, Astério some da pensão então fica no lugar o seu Alberto.
O Laboratório é vendido e ela como fora reconhecida pelo comprador seria de grande valia, por ter beleza e atitude foi colocada na rua, para divulgar os produtos e vende-los nos consultórios. O novo Proprietário investiu em marketing.
Leniza compara os dois chefes e diz que o antigo era um burro.
Conhece Dr. Oliveira que lhe promete casar, mas ela o recusa e mantém amizade. Seu Alberto começa a incentivá-la a cantar em radio. Leniza decide ser cantora.
Anda de carro com Oliveira, mas tem sempre a preocupação do trabalho. Oliveira tenta domar Leniza  dar-lhe de presente um cassaco, que a mãe acha lindo.
Numa sorveteria conhece Mario que de cara fora considerado por leniza antipático, mas tudo muda quando ele diz que vende rádios, Oliveira fica esperando-a zangado e fala do histórico de Mario leniza vai com Oliveira para o apartamento e ele se revela(pobre mas a ama) não fazem nada!
Vai se encontrar com Mario e vão para o cinema, Mario investe e ela resiste. 
Fala com Oliveira que lhe pede explicações e os dois discutem, ela sai e ele no dia seguinte vai buscá-la em casa e Leniza falta no emprego e eles se reconciliam.
Encontra-se com Mario novamente e fala do seu sonho, ele descobre os interesses dela e isso desperta segundas intenções, ela conta como agiu e ele promete ajudá-la. Ela conta do golpe a família e seu Alberto a incentiva, e a mãe diz que é maluquice, mas planeja o teste.
Faz o teste e é aprovada devido a influencias, mas quando pergunta sobre R$ Mario não é seguro e não havia nenhum contrato, descobre que ele é casado.
O preço da fama ou de um sonho. Dividem-se os lados de leniza. Ele pergunta se está arrependida, mas ela se cala para alcançar seu sonho e ele a cerca para evitar a fuga.Sentia-se pequena, insignificante, perdida. Ela termina fugindo.
Conta à mãe que está empregada, e foi descansar quando para pensar no que fez só lembra Oliveira. Pensa em abandonar o emprego e comprar roupas novas para se apresentar bem. Leniza queria mudar a vida da mãe.
Ela vai falar com o Dr. Meneses para a demissão e ele aconselha que ela não se iluda e discutem. Mente para Oliveira dizendo que estava de férias, Oliveira tinha segredos que foram as dividas de jogo assim como seu pai. Sai do escritório e vai para o estúdio onde se apresenta para as outras causando ciúmes.Leniza fica nervosa com Mario pois não o quer e ele impõem medo e ela recai.Os dois se desconfiam, ela diz que tem medo de engravidar. Todos começam a perceber que leniza mudou de vida ilicitamente. Havia a questão da composição das musicas que elas tinham que ter sempre novo repertório.
Conta a Mario que deixou o emprego e a desconfiança se confirma de que o emprego não era isso tudo, mas era apenas uma pequena radio. Ela sente remorso. Mario dar-lhe um radio, mas da um de segunda mão.Ela visita Porto, com quem faz amizade. 
Leniza vai contar a Oliveira, e ele percebe que a perdeu, e a despensa. Mario começa a cansar e não vai à estréia dela, o radio que Mario lhe dera era de qualidade gera gosto entre a família que antes não tinha devido a condições financeiras. Quando Leniza chega no estúdio um velho a deseja. Conhece Dulce que quer ajudá-la e apresenta-lhe amigos compositores.
O salário não paga 1/3 das suas dividas e Dulce lhe ajuda com R$, mas em troca de relações. Leniza vem com a mãe e seu Alberto para cidade, não deixa que ninguém trabalhe. Termina o relacionamento com Mario. Sente vergonha ao pensar na mãe. A mãe começa a desconfiar. E não quer estar presa a Dulce e termina. Se vende para Porto que a trata com muito carinho e atenção, não amava Porto mas o admirava, Porto pergunta o que houve entre ela e Dulce e ela não responde. A mãe fica doente e Porto ajuda, mas as dividas aumentam e ela pensa em abandonar e Porto fica magoado. Ela sai para a radia Continental onde obtém sucesso e depressão, fica com Amaro, o qual a obrigava visitar o apartamento três vezes por semana.  A mãe dona Manuela recebe uma carta que conta horrores de Leniza, que logo pensa ter sido Dulce, percebe que ainda era apaixonada por ela. Amaro lhe supre de tudo. A metrópole faliu. A mãe começa a tratá-la com indiferença.
Descobre que está grávida então recorre a Oliveira que não o faz o aborto, Quando fala a Amaro ele a manda ir a uma casa de parteira, quando chega lá tudo está imundo, mas mesmo assim faz o procedimento, vai para o estúdio,  lá passa mal, vai para casa e sofre hemorragia, chamam o médico que diz que se tratava de um aborto, ela piorou bastante ao ponto de delirar, e contar tudo que havia feito, chega uma carta de Amaro com R$, Oliveira vai visitá-la mas a mãe não permite, a mãe rejeita ela,e pergunta ao medico se pode deixá-la.O médico responde que não. Quando Oliveira consegue vê-la Leniza pensa que ele vai ficar com ela mas ele lhe da o troco. Passa quinze dias em casa, a mãe a abandona.
Sai e pensa em ir para igreja, mas esta fechada.
O livro se baseia em uma passagem que relata a história do lado coelho de cada pessoa. Porto tinha uma tia que fabricava doces e então tinha uma forma que possuía o formato de coelho, essa fora amassada e o coelhinho proveniente dela saia com um dos lados defeituoso. Então a tia sempre que colocava o doce na mesa escondia esse lado com flores. Assim acontece com Leniza que mantém relações por interesse, e como forma de disfarce havia o sucesso.
O fim do livro não é final, pois o autor não se prende a forma perfeita de escrever, mas deixa que o leitor decida o que acontecerá.


Um comentário:

  1. Comecei a ler o livro e percebi um pouco de dificuldade ao entende-lo, mas depois de ler o resumo ficou bem mas fácil compreende-lo, o livro mim parece ser ótimo, aborda assuntos bem polêmicos.

    ResponderExcluir